5 de janeiro de 2009

Árvore da forca

...
Lentamente,
como se soubesses que te observo
consigo ver cada movimento teu
aqui... plantado na terra gelada.

Passas despida, esbelta e delicada
fecho os olhos, está tudo na minha mente
mexes em mim pela noite dentro
antes que as cortinas encerrem.

Toco-te com a ponta dos meus ramos
cubro o teu corpo com as minhas folhas
beijo-te onde menos esperas
desperto os teus sentidos.
Sou aquela árvore
que plantaste no teu jardim
regaste as minhas raízes
cresci em direcção ao céu,
quando estava quase a lhe tocar,
mataste-me…
assassinaste-me…

Envelheço
despido de folhas
com os ramos caídos pelo chão
desfaleço na terra que me chama
descanso em paz, por que te amo.

Nocturno

7 comentários:

Inside Me disse...

querido, nocturno, + 1 vez, parabéns pela sincronia perfeita das palavras, ficou divino! bjs e boa semana

CarlaSofia disse...

Somos como árvores, sedentas de energias que nos fazem crescer e fortalecer. Como humanos precisamos da energia do amor que ilumina os nossos corações. Mas quem disse que precisamos de Amor? Não foi preciso dizer, pois trazemos essa carência dentro nós.. faz parte das nossas memórias ancestrais.
Um beijo de LUZ

paula barros disse...

Você consegue sempre me emocionar, por suas palavras, pela escolha das imagens.

Que você continue florescendo e crescendo rumo ao sol.

abraços de admiração e carinho

FERNANDA & POEMAS disse...

Querida Amigo Nocturno, adorei o teu maravilhoso poema... SUBLIME Amigo... Um grande abraço de carinho,
Fernandinha

Sunshine disse...

Quando menos esperares os rebentos da Primavera irão começar a surgir e uma nova árvore forte e cheia de vida crescerá! Só o tempo é capaz deste milagre se tu o deixares fazer.
beijinhos com raios de sol

Sunshine disse...

Na tristeza profunda das tuas palavras uma beleza intensamente dolorosa surge e invade a alma.

Queria que essa árvore se cobrisse de folhas e vivesse intensamente...

beijo com mt carinho

Carla disse...

e assim se escrevem palavras de emor...entre o sentir mais profundo e a dor mais marcante
beijos e boa semana